Lista de material de construção【2020】➞ Como montar a sua?

A lista de material de construção é parte fundamental de qualquer obra, mas muitas pessoas ainda têm dúvidas na hora de montá-la. A ideia, claro, é economizar, mas também é essencial comprar opções de qualidade e que tenham o máximo aproveitamento.

Atualmente, há diversas lojas vendendo materiais de todos os tipos. Entretanto, para a concepção, é preciso se atentar naquilo que é necessário: definir quantidades, evitar desperdícios, fazer bons orçamentos, ter total controle da obra, além de garantir o sucesso em sua reforma ou construção.

Sendo assim, é primordial considerar algumas dicas para montar uma lista de material de construção. Selecionamos algumas ideias + opções que não podem faltar, entre outras informações que fazem toda a diferença.

como fazer a Lista de materiais de construção
Lista de material de construção: aprenda a montar passo a passo!

Fazer uma lista de material de construção significa dar início a uma obra ou reforma, seja de uma casa, um comércio, um cômodo, entre outros.

Há uma série de materiais que compõem o alicerce, a base e toda a estrutura do projeto. A qualidade é essencial para evitar problemas futuros, além de contar com mão de obra especializada para aproveitá-los da melhor forma.

Para fazer a lista, aliás, é essencial contar com o apoio dos profissionais responsáveis pela construção. Eles definirão quantidades e tudo que é necessário para o sucesso da obra. A partir daí, é possível elencar todos os materiais necessários para todo o projeto.

Lista de materiais de construção

Como montar a sua lista? #dicas

Antes de montar sua lista de material de construção, considere e anote essas dicas incríveis.

Planejar e analisar a obra

O planejamento é essencial para garantir o sucesso na obra. Se você pensa em iniciar um projeto, deve ficar a par de todos os detalhes: tempo, orçamento, mão de obra e, claro, os materiais necessários.

Faça planilhas e cálculos, além de contar com o apoio dos especialistas para realizar o gerenciamento da obra. Assim, fica fácil delimitar cada etapa necessária e ter um bom controle – sobretudo quando se trata dos gastos.

Dividir em etapas ou categorias

Quem deseja começar uma obra grande pode dividir em etapas. Assim, é possível visualizar cada detalhe, entender as necessidades, entre outros pontos essenciais.

Primeiramente, é preciso focar na base, depois na estrutura em si até o acabamento final. Evite misturar tudo, foque em uma categoria de cada vez. O objetivo dessa etapa é economizar e garantir um melhor aproveitamento dos materiais de construção.

Lista de material de construção

Definir quantidades

As quantidades são essenciais na hora de montar a lista de material de construção. Após dividir por etapas, você pode conversar com os profissionais e fazer o cálculo exato.

De modo geral, a ideia é evitar o desperdício. Além disso, não se deve comprar menos do que o necessário, pois isso também dá prejuízo à obra – imagine se, no meio da construção, não há material suficiente para fazer concreto?

De acordo com especialistas, alguns materiais podem até ser comprados em quantidades maiores, bastam ser armazenados da forma correta. Entretanto, devem ter bom aproveitamento, seja nas etapas iniciais ou finais da construção.

Fazer pesquisas e orçamentos

Essa é uma parte primordial e que faz toda a diferença para quem pretende economizar. As pesquisas podem começar assim que a lista é feita – em várias lojas de materiais de construção, sejam físicas ou online.

Você pode dividir a compra por etapas ou realizar um orçamento completo. Conforme salientamos, alguns materiais podem até ser comprados antes do uso, desde que bem armazenados.

Aproveite ofertas e, se for pagar à vista, negocie. Muitas lojas dão grandes descontos para esse tipo de pagamento. Além disso, é primordial se atentar ao prazo de entrega para não atrasar a obra.

Lista de material de construção

Conheça os principais tipos de material de construção e aprenda a montar sua lista.

Concreto

Qualquer tipo de construção necessita de concreto para diferentes etapas da obra. Na alvenaria, é um dos materiais principais, figurando sempre no topo da lista.

O concreto é produzido a partir de areia, pedra brita e cimento, que são comprados separadamente. Sendo assim, você deve comprá-los em metros (2 metros de areia, por exemplo) ou em sacos (no caso do cimento). Geralmente, possuem um preço bem acessível, mas são usados em grandes quantidades.

concreto

Argamassa

A argamassa é uma mistura de vários insumos, utilizada no assentamento de peças, em paredes ou no piso, seja na concepção ou no acabamento das obras. Pode ser preparada na obra ou comprada pronta.

argamassa

Aditivos

Os aditivos são produtos adicionados ao concreto ou a argamassa, seja para aumentar sua durabilidade ou plasticidade, acelerar o tempo de pega, reduzir a retração, entre outras vantagens. O uso deve ser delimitado e indicado pela mão de obra especializada.

aditivos

Ferragens

As ferragens são primordiais para a estrutura de qualquer obra, para fazer armações, pilastras, redes, entre outras fundações. Existem vários tipos que podem ser utilizados em qualquer etapa da obra. Exemplos: colunas, vergalhões, telas, estribos, entre outros.

ferragens

Blocos

Os blocos de concreto são itens fundamentais em praticamente qualquer lista de material de construção, utilizados para erguer muros e paredes. Por isso, são comprados em grandes quantidades. Além da alvenaria estrutural, ainda são utilizados para vedação.

Blocos de concreto

Tijolos

Tijolos cerâmicos também são parte da estrutura de diversas obras. Além de paredes, ainda são essenciais para a concepção de bancadas, balcões, churrasqueiras, entre outros usos na alvenaria estrutural e de vedação. Possuem um preço acessível e são usados em larga escala em praticamente qualquer tipo de construção.

tijolos

Madeira

A madeira é utilizada em diversas etapas da obra: cobertura, acabamento, revestimento, escoras, etc. A versatilidade permite seu uso em várias formas, seja como sarrafos, pontaletes, caibros, vigas, ripas, etc.

Vale destacar que há muitos tipos de madeira, de diferentes tons, qualidades e preços. São compradas em madeireiras e podem ter alto preço de acordo com a versão. Por isso, indicamos o uso da madeira de demolição – tanto pela sustentabilidade (pois é reutilizada e evita o corte de árvores) quanto pela economia (tem um preço acessível).

tipos de madeira

Telhas

As telhas são essenciais para a cobertura da edificação. Há diversos tipos de telhas para variados modelos de telhados: colonial, americana, fibrocimento, etc.

Calcular o número de telhas é essencial para otimizar o aproveitamento na obra. Para isso, você deve se atentar às medidas do telhado e contar com a consultoria de um especialista.

Telhas

Materiais hidráulicos

Os materiais hidráulicos são parte do sistema de distribuição de água e esgoto, primordiais para residências e qualquer edificação. Alguns exemplos: tubos, canos, joelhos, torneiras, sifões, luvas, ralos, entre outros. Possuem um preço acessível, mas devem ter ótima qualidade para evitar problemas futuros.

Materiais hidráulicos

Materiais elétricos

Os materiais elétricos são responsáveis pela transmissão de energia da rua para a edificação de modo seguro, para utilização de tomadas, chuveiro, lâmpadas, etc. Há muitos tipos, cada qual com uma função: cabos, fios, disjuntores, eletrodutos, interruptores, etc.

Materiais elétricos

Pisos e revestimentos

Parte do acabamento da obra, os pisos e revestimentos são utilizados em paredes, chão e teto. Há uma série de opções de diferentes materiais, como o porcelanato, um dos mais populares.

Além de proteger as superfícies, ainda valorizam a decoração interna e externa do projeto. Possuem diversas cores, preços e demais características. Por isso, para escolher as melhores opções, é indicado contar com o auxílio de arquitetos. A dica geral é prezar pela qualidade e estilo de decoração para deixar sua casa com um belo visual.

Pisos e revestimentos

Esquadrias

As esquadrias são peças de abertura e fechamento dos cômodos: as portas e janelas. São primordiais em qualquer tipo de edificação, para melhorar a privacidade, aumentar a segurança, favorecer a iluminação e valorizar a decoração. Existem vários modelos de diversos materiais, por isso dependem de um bom orçamento de acordo com o projeto.

Esquadrias

Tintas e acabamentos

Para deixar as paredes com um aspecto renovado, você pode pintá-las com tintas de diversas cores. Além disso, outros acabamentos são indicados, como as texturas e materiais para revestimentos.

Esses insumos são parte do acabamento da obra e figuram como últimos itens da lista de material de construção. Há tintas de várias marcas, com diferentes características e preços. Além de favorecer a decoração, ainda ajudam na impermeabilização e proteção das superfícies.

modelos de Tintas sem cheiro

Dicas essenciais

Vá além da mão de obra – avalie para saber se o material solicitado será realmente utilizado, sobretudo de acordo com a quantidade. Assim, evita-se o gasto desnecessário.

Aproveite ofertas – fique de olho nas promoções, assim você pode economizar bastante.

Qualidade é essencial – não compre produtos de qualidade duvidosa. Eles podem causar um grande problema futuro, sobretudo quando se trata de materiais hidráulicos e elétricos.

Armazene corretamente – mantenha os materiais em locais cobertos, livre do sol e das chuvas. Separe por tipos e evite misturar os insumos. Atente-se à validade, ainda mais depois de abertos. Siga sempre as instruções do fabricante.

lojas de materiais de construção


Enfim, esperamos que esse conteúdo ajude você a montar sua lista de material de construção. Gostou das dicas? Deixe um comentário. Aproveite e compartilhe o post. Boa sorte em seu projeto e até mais.

 


você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.